SHORT CUTS: Os brutos também se amam – Mariza Gualano

"Quando dois homens passam o inverno numa tenda minúscula, na primavera eles acabam como bons amigos”. Essa fala do personagem de John Wayne no filme A INDOMÁVEL (THE SPOILERS), de 1942, dirigido por Ray Enright, parece descrever o começo de tudo entre Jack ( Jake Gyllenhaal) e Ennis ( Heath Ledger) em O SEGREDO DE BROKEBACK MOUNTAIN (BROKEBACK MOUNTAIN), de 2005, com direção de Ang Lee. Sozinhos no alto de uma montanha, os vaqueiros travam o seguinte diálogo:

“- Você vai congelar quando essa fogueira apagar.
- Que gostoso!
- É melhor dormir na barraca.
- Tá bom, então.”

*
Eles não foram os únicos. Em 1991, Gus Van Sant em GAROTOS DE PROGRAMA (MY OWN PRIVATE IDAHO) dirige River Phoenix e Keanu Reeves, à noite, na beira da estrada, conversando em volta da fogueira. Mike, o personagem de Phoenix, declara seu amor pelo amigo e companheiro de programas. Scott, interpretado por Reeves, diz:

“-Só transo com homens por dinheiro.
-Eu sei.
-E dois homens não podem se amar.
-Bem, não sei. Quer dizer, para mim eu poderia amar alguém mesmo que, você sabe, não me pagasse. Eu o amo, você não me paga. Eu quero beijá-lo.”

*
No cinema, o frio, uma barraca e uma fogueira podem fazer muito por alguns cowboys.

*

[print_link] [email_link]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *